A+  A-  |  voltar

Artroscopia do Tornozelo


A artroscopia é uma técnica cirúrgica considerada minimamente invasiva, pois permite a abordagem das articulações através de pequenos orifícios por onde são introduzidos uma câmera e instrumentos cirúrgicos para realizar o diagnóstico e/ou o tratamento das lesões intra-articulares.

 

 

ARTRO = ARTICULAÇÃO  /  SCOPIA = OLHAR, EXAMINAR

 

A artroscopia do tornozelo é realizada em bloco cirúrgico, com internação ambulatorial (alta hospitalar no mesmo dia) e sob anestesia regional (raquidiana).

Para evitar sangramento na parte interna da articulação e permitir a constante visualização utilizamos um garrote pneumático ao nível da coxa.

 

 

Em alguns casos pode ser necessário o uso de equipamentos de distração para auxiliar a abertura do espaço articular e possibilitar melhor visualização da articulação, principalmente a porção posterior.

A artroscopia do tornozelo geralmente é realizada através de dois pequenos orifícios feitos em locais específicos, chamados de portais.     

A articulação é então preenchida e distendida com soro fisiológico, ou solução de Ringer lactato, por meio de irrigação por gravidade ou bomba de pressão. 

Através de um dos orifícios é introduzida uma câmera para visualizar o interior da articulação em um monitor de vídeo.

 

O segundo portal serve para introduzir os instrumentos cirúrgicos que serão usados para manipular e tratar as estruturas anatômicas lesionadas.